É até engraçado em tentar falar sobre regularidade num clube como o Flamengo. Todo rubro-negro que se preza sabe que na Gávea não funciona dessa forma. Somos adeptos de grandes entradas, os holofotes mudando rapidamente de direção e tcharãm! Estamos na cabeça. Porém, dois mil e dezesseis se mostra diferente. Pelo menos até o momento.

A derrota contra o Corinthians é um ponto fora da curva, pois o Urubu do campeonato brasileiro é regular e pasmem! Está brigando pelo título. E olha que tem reforço que nem estreou ainda. Sabemos que a estrada é longa, óbvio, mas nota-se no comportamento “Flamengar” um quê de “sabemos o que estamos fazendo”.

20160731172948_2031-640x406

 

O Fla ganhou do América – MG de forma econômica, sofrendo aquela pressão no final do jogo típica de quando enfrentamos times menores(com todo respeito ao campeão mineiro). A diferença é que não cedemos ao empate,quiçá a virada. Os três pontos vieram. O jogo contra o Coritiba seguiu na mesma entoada.

Devo dizer que cochilei uns quinze minutos no primeiro tempo. Era fulaninho tocando de lado, chutão para frente…dormi como um bom domingo a tarde me pede. Levantei e me obriguei a assistir o jogo. Acho que funcionou porque o primeiro tempo se foi e pressenti a felicidade no segundo.

Muralha mais uma vez recebe sua nota sete. Ótimo goleiro. Não se fala mais sobre isso. Rafael Vaz e Juan vão junto com o arqueiro, até porque o time paranaense é quase inofensivo. Digo quase pois o mala do Kleber Gladiador joga lá. Ô cara chato irmão…

Chiquinho toda vez que joga mostra o quão bom reserva ele é. Sem brilho nenhum o rapaz. Joga o mínimo possível. Do outro lado, Pará tomou umas aulas com Rodinei e vem jogando legal. Deitou contra o América – MG e foi bem contra o Coxa. Palmas discretas. M.Araújo segue carregando o piano,segue sendo criticado por alguns, protegido por outros. O apelido Baidu dado pelo Flamengo da Depressão nunca foi tão verdadeiro. Tirando as brincadeiras, o cara ajuda. Mas se o Cuéllar fosse um pouquinho melhor, aquele meio campo ia ficar embaçado.

Menino Arão voltou a jogar bem. As duas últimas partidas foi importante. Que continue assim. Esperava um pouco mais de criatividade com A.Patrick e Mancuello. Não aconteceu no primeiro tempo. No segundo até deu uma melhorada, mas achei meio bomba. Lá na frente, Everton deu aquela melhoradinha que até lhe rendou reportagem no GE. Não é aquele cara insinuante de dois mil e nove, mas ok, vá lá. Destaque do dia vai para Guerreirão da massa. Brigando o tempo todo, orientando, voltando para buscar o jogo e marcando. A melhora dele veio junto com a melhora do time. Que o homem sabe fazer gol é inegável.

M.Cirino fez gol e isso conta pontos para ele. Hoje entrou até bem, correndo com algum discernimento. O bom do fundo do poço é que o único caminho é para cima. Cuéllar entrou e mostrou um pouco do que pode fazer. Eu não sei se esse cara tá tímido ainda, tá com alguma problema, pois é nítido que ele é melhor que o M.Araújo. Mas ele parece meio travado. E o Baidu vai ficando.

Donatti entrou e mostrou o que todos nós sabíamos: Bom zagueiro, forte, joga firme. Tá ótimo. Esse revezamento na zaga tá até maneiro. Se antes torcíamos para Wallace não fazer besteira, até que estamos muito bem de zaga!

Zezinho vai se firmando no cargo, mesmo fazendo algumas besteiras. O Flamengo não assume o papel de protagonista, mas se mantém ali, na briga. Estamos prestes a virar a tabela e isso é importante. A corrida dos cavalinhos vai ficando cada vez mais séria e temos bala na agulha. Damião não foi testado, Diego vai vir e tem gente que ainda pode melhorar. Pensando bem, é melhor não ser destaque agora.

O próximo compromisso é contra um adversário direto: Santos. O peixe vem jogado uma bola redondinha e está como nós, no bolo. Uma vitória só fortalece a equipe. Que Urubu coma peixe.

About The Author

Alagoano, Flamenguista desde que vi a camisa onze do Romário. Apaixonado pelo Rio, vivo no Maracanã. Goleiro nas peladas da vida, apreciador do Futebol e do que ele causa ao seu redor. Provavelmente me encontrará na Lapa tomando um chopinho.

Leave a Reply

Your email address will not be published.