Vindo do campeonato suíço, liga que não vem acompanhada de transmissão ou notícia alguma no Brasil, podemos, com cuidado, observar alguns jogadores locais diferenciados brilharem em competições continentais europeias. É o caso do goleiro do BSC Young Boys, o suíço Yvon Mvogo.

Yvon, promessa do Young Boys

Yvon, promessa do Young Boys

Saindo da base do clube e começando sua carreira na equipe profissional em 2012, de cara já teve um grande trabalho: Superar o identificado, experiente e medalhão da equipe, Marco Wölfli, que atuava consecutivamente no gol da equipe desde 2003, tendo sua primeira passagem por lá ainda em 2002!

O atleta fez sua estreia em 17 de Agosto de 2013, num jogo da copa local contra o fraco Veyrier. Sua equipe aplicou uma sonora goleada por 8 a 0, sem maiores sustos ou problemas para o guarda-redes.

Conseguiu a titularidade do clube em 2014, destacando-se na Europa League, principalmente nas partidas contra o Napoli (uma vitória na Suíça e uma derrota na Itália), caindo com a equipe nos 16 avos-de-final contra o Everton (7 a 2 no agregado). No ano seguinte a equipe decepcionou demais e caiu na rodada de play-off para a Champions contra o Monaco (7 a 1 no agregado) e também no play-off para a Europa League contra o Qarabağ (4 a 0 no agregado).

Mvogo realizando seus estilosos saltos para defender

Mvogo realizando um de seus estilosos saltos para buscar a bola

Com descendência camaronesa, 1,88 metros de altura e apenas 21 anos, o “Black Cat” usufrui um estilo acrobático, facilitando a realização de pontes e a busca da bola no outro canto da meta, mas dificultando na defesa de chutes fáceis e no momento de encaixar a bola, abusando das bolas espalmadas. As expectativas são que, com seu amadurecimento, torne-se um goleiro world class.

Já falando em seleção, podendo optar entre a do confederação do país em que nasceu e a de sua descendência, decidiu defender a europeia. Jogou pelo sub-17, sub-19 e sub-21, já sendo convocado para a seleção principal pela primeira vez em Junho de 2015, para um jogo das eliminatórias da Eurocopa contra a Lituânia. Por todo o seu potencial, seria uma surpresa se futuramente o jogador não disputasse a titularidade da seleção com Yann Sommer, atualmente com 27 anos militando no Borussia Mönchengladbach.

Atualmente, sem disputar competições continentais no ano, as abelhas, como é conhecido o clube, vêm segurando a terceira colocação do campeonato local, garantindo vaga para a Europa League. Estão há 5 pontos atrás do Grasshopper, segundo colocado, que vai conseguindo vaga para as eliminatórias da Champions League; 15 pontos atrás do líder e poderoso Basel; e dois à frente do quarto, o Luzern, que vai segurando sua vaguinha para os play-offs da Europa League.

Eis, aqui, os melhores momentos do Black Cat em campo pelas abelhas:

About The Author

Torcedor de Santos e Spurs. Apaixonado por Brasileirão e Premier League. Tem o sonho de estudar e trabalhar com o melhor esporte já criado.

Leave a Reply

Your email address will not be published.