Qual a melhor equipe europeia da temporada para nós, redatores da QuatroQuatroDois? Bayern? Real Madrid? Barcelona? Fizemos nossa própria lista das melhores equipes de futebol da temporada europeia 2014/2015. Para fazer esta tabela, questionei outros membros presentes do grupo sobre equipes e as classifiquei por: Qualidade do futebol apresentado, qualidade dos jogos, objetivos da equipe antes dos campeonatos começarem e posição final, campeonatos os quais a equipe está jogando e sua colocação, entre outros aspectos.

Mas nessa lista será exposto apenas do nosso 8º colocado, pois a lista ficaria muito grande se fossem citados todos os times em apenas uma matéria.

8º – Porto

Emblema do FC Porto

Emblema do FC Porto

A equipe portuguesa tem sua equipe titular formada por: Fabiano Freitas, Danilo (vendido ao Real Madrid), Maicon Pereira, Marcano (Martins Indi) e Alex Sandro; Casemiro, Héctor Herrera e Quintero (Óliver Torres); Quaresma (Tello), Brahimi e Jackson Martínez (Aboubakar). O treinador é Julen Lopetegui.

A defesa portista é muito segura. O goleiro brasileiro Fabiano foi reserva no São Paulo e atingiu a titularidade da equipe portuguesa nessa temporada, barrando o medalhão Hélton, que não vinha em boa fase, ele tem a confiança do treinador. As laterais são compostas por dois jovens atletas vindos do Santos após a conquista da Libertadores 2011, Danilo na direita (recentemente vendido ao Real Madrid, clube que ele integrará na próxima temporada) e na esquerda Alex Sandro. A zaga costuma ser formada pelo brasileiro Maicon Pereira e pelo espanhol Marcano, com o português naturalizado holandês Martins Indi jogando algumas partidas, contratado após sua ótima Copa do Mundo 2014.

Destaque do Porto, Yacine Brahimi

Destaque do Porto, Yacine Brahimi

Muito bem representados nos volantes pelo brasileiro Casemiro, ex-São Paulo emprestado pelo Real Madrid, e pelo mexicano Héctor Herrera, o Porto forma uma ótima e jovem dupla. Mais à frente vem o meia colombiano Quintero, de vez em quando sendo usado o jovem espanhol Óliver Torres, emprestado ao clube pelo Atlético de Madrid.

No ataque o medalhão Ricardo Quaresma aparece novamente, já com 31 anos. Com todo seu auge jogando pelo Porto, Quaresma vem numa boa fase após temporadas e temporadas de tentativas de consolidação em outros times, quase todas falhas. Na esquerda vem o destaque argelino Yacine Brahimi. Após jogar o “fino” da bola pela seleção da Argélia na Copa do Mundo no Brasil, Brahimi foi contratado como aposta. Chegou rendendo muito mais que o esperado e sendo destaque da equipe portuguesa, sendo o 3º maior driblador da atual Champions League. Para centroavante temos uma disputa, com certo favoritismo. O colombiano Jackson Martínez é o dono desta posição há um bom tempo no Porto, nesta temporada tendo a concorrência do espanhol Adrián López, ex-Atlético de Madrid e principalmente do camaronês Aboubakar.

Por que o Porto está na lista?

Na Champions League o Porto vem extremamente bem. Num grupo, em tese, complicado, a equipe passou sem sustos em 1º colocado isolado com 14 pontos, à frente de Shakhtar Donetsk em 2º com 9 pontos, Athletic Club Bilbao em 3º com 7 pontos e BATE Borisov em 4º com 3. Nas oitavas de final ele eliminou, também, sem dificuldades a equipe suíça do Basel, 5×1 no agregado. Já nas quartas, ele enfrentou o todo poderoso Bayern de Munique em uma grande fase e fez 3×1 em Portugal no 1º jogo, mostrando um ótimo futebol e surpreendendo a alguns, mas na volta eles não puderam segurar o poder do gigante e levaram uma sonora goleada de 6×1, que não estava no roteiro da temporada.

No campeonato português a equipe terminou na 2º colocação, que apesar das competições continentais, ela conseguiu se manter a apenas 3 pontos do líder Benfica, seguindo-o de perto na reta final.

Conclui-se que é uma equipe unida e com toda a equipe titular da mesma qualidade, do gol ao ataque, sem destaques. Casemiro e Brahimi são as principais surpresas da equipe, chegaram mostrando um ótimo futebol, e, não só se mantendo na equipe titular, mas também se tornando destaques. Com um bom futebol e um bom papel na competição continental, a equipe vem forte ao final da temporada.

About The Author

Avatar

Torcedor de Santos e Spurs. Apaixonado por Brasileirão e Premier League. Tem o sonho de estudar e trabalhar com o melhor esporte já criado.