Schwenck, também conhecido como “Schwevenchenko” pela torcida do Figueirense, é um atacante famoso que já jogou por mais de 20 clubes na sua carreira, praticamente mudando de clube a todo ano. Atuou por grandes clubes como Cruzeiro, Botafogo, Goiás e Figueirense. Atualmente tem 36 anos e foi contratado pelo Inter de Lages para disputa da série D.

Schwenck iniciou sua carreira profissional no Nova Iguaçu em 1998, passou por Juventus-SP, CRB, CFZ de Brasília até ser vendido para o Al-Riyadh da Árabia Saudita, onde destacou-se e atraiu o interesse dos clubes brasileiros.

Aos 25 anos foi contratado pelo Cruzeiro, em 2004, jogou 12 partidas e marcou apenas 3 gols, o que o levou a ser vendido para o Botafogo no mesmo ano.  Contratado para substituir Alex Alves, que havia se lesionado, no clube carioca o jogador demorou 20 jogos para marcar seu primeiro gol. Muito criticado por errar “gols feitos”, o jogador caiu na glória da torcida, quando no mesmo ano em uma partida contra o Atlético Paranaense, em uma partida de vida ou morte contra o Atlético-PR, quando a equipe perdia por 1×0 para o clube do paraná, ele marcou o gol de empate e salvou o clube carioca do rebaixamento.

No ano seguinte fora vendido para o Japão para atuar pelo Vegalta Sendai. Em 2006 retornou ao Brasil, contratado pelo Figueirense, teve boas atuações, mas foi negociado no ano seguinte, sendo negociado para Israel, na Coreia, voltou para o Brasil, atuou por Goiás e Juventude, até voltar para o Figueirense em 2009, marcando 10 gols em 24 jogos.

Em 2010 foi negociado para o Vitória, jogou as finais da Copa do Brasil, mas não marcou gol.

Em 2011 jogou pelo Criciúma, marcou 17 gols, porém não permaneceu na equipe no ano seguinte; Atuou por Itumbiara e Guarani em 2012,  em 2013 jogou por CRB e ABC.

Em 2014 foi para o Marcílio Dias, se destacou com a vice artilharia do campeonato catarinense marcando 7 gols. Se transferiu para o Joinville, porém retornou ao Marcílio, nesse ano, e marcou 6 gols no Catarinense.

Schwenck no Marcílio Dias (Foto: Reprodução/Globoesporte)

No início desse mês se transferiu para o Inter De Lages, reforçando a equipe gaúcha para a disputa da série D do campeonato nacional.

Schwenck, ou “Schwevenchenko” como ficou conhecido por suas atuações no Figueirense, é mais um jogador que não conseguiu se firmar por muito tempo em uma equipe, passando por diversos clubes, o jogador sempre fez alguns gols e foi importante em determinado momento. Mesmo com 36, o veterano ainda apresenta um bom futebol e marca seus gols, possuindo grandes chances de se destacar na série D do nacional.

 

About The Author